sábado, 20 de junho de 2009


"(...) mas sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus".(Romanos 8:28)


O versículo acima é um dos mais conhecidos de toda a Bíblia. Nele encontramos forças para prosseguir mesmo quando tudo dá errado em nossa vida. Mesmo que tudo que planejemos durante anos ou dias não saia como o programado. São palavras de Deus que confortam o nosso coração quando os sentimentos de derrota afloram sobre nossa existência. Mas, o que podemos aprender com as derrotas em nossas vidas?

Muitas das quedas, desilusões que sofremos são resultado de uma série de manias encontradas em todos o seres humanos, a teimosia, a auto-confiança, o egoísmo, a vontade de resolver as coisas sem ajuda, entre outras. Não queremos ouvir a Deus, não queremos que nos ajudem, somos suficientemente capazes de fazer "tudo" sem a ajuda de ninguém. Bom, e o resultado disso, a maioria de nós já conhece... derrotas e mais derrotas e ao final de tudo esgotamento e desilusão. E ainda mais, achamos que Deus não queria que realizássemos tais tarefas e que seu propósito é outro em nossas vidas. Talvez eu não esteja sendo claro, usemos um exemplo então:

"Um líder da igreja planeja realizar um grande evento e precisa que tudo dê certo. Pretende montar uma boa iluminação, uma boa música, uma boa palavra enfim , precisa de um ambiente que seja atrativo. Só que não confia nas pessoas as seu redor, afinal, elas já falharam com ele tantas vezes e por isso decide arrumar todos os detalhes de forma solitária. Iluminação, música, palavra, tudo sozinho e em um prazo curtíssimo. Resultado final... um desatre total !!! A música era ruim, a iluminação falha e a palavra não consegue ser dita por que as pessoas foram embora. E agora, pensa ele, Deus não quer que eu faça isso, eu não sou bom em nada! Nunca mais farei nada nesse lugar".

É uma história boba, (mal contada eu admito) mas que é realidade na vida de muitas pessoas em seu ministério, pessoas destruídas, pessoas cansadas, pessoas incompreendidas que cometeram o erro de tentar fazer tudo por si mesmas. Pessoas que colocaram a sua confiança na força de seu próprio braço. Mas calma, nem tudo está perdido! rsrsrs. Creio que todos nós já passamos por algo parecido, mas Deus nos mostra através de Jesus que não devemos ser assim. Em sua relação com os discípulos Jesus nos mostrou como pessoas de personalidades tão diferentes, com culturas tão diferentes, com situações sociais tão diversas podem trabalhar JUNTAS para cumprir o propósito Dele aqui nesse mundo.

Então, um glória a Deus pelo ensino de Jesus! Temos que botar em prática o real significado da comunhão. Isso não quer dizer que todos tenhamos que ser iguais, mas, que precisamos respeitar as diferenças, aproveitar ao máximo de cada um para a propagação do amor de Cristo.

Aqui eu termino essa pequena palavra, o que podemos aprender com as derrotas? Podemos aprender que sempre erraremos em muitas coisas mas que se pedirmos a Jesus que nos ajude não será o fim. Podemos aprender que se pedirmos a Jesus orientação ele transformará uma derrota numa lição inesquecível. Aprendemos que as derrotas fazem parte da vida, mas, que não podemos perder o ânimo. Que mesmo que tudo pareça não fazer sentido, Deus sempre encontrará uma maneira de nos ajudar a sair do caos que tornamos nossa existência. Que Deus nunca desampara um filho seu, nunca, muito menos nas derrotas. Que as derrotas podem não significar um "não" de Deus mas um "espere". Enfim, se pedirmos ajuda, orientação de Deus e colocarmos em prática seus ensinamentos uma grande derrota, uma grande perda pode se tornar uma grande lição de vida.

A paz amados!

Vinícius de Freitas Rosa.


2 comentários:

Luisa disse...

VC EH BENÇÃO PURA,PROSSIGA!!!

Antônia disse...

CONTINUE ASSIM, NESSE INTUÍTO DE SER UM INSTRUMENTO NA MÃOS DO SENHOR, ISSO QUER DIZER QUE: VOCÊN ENTENDE O PORQUE QUE VOCÊ VEIO AO MUNDO... BJS